#16 Olhar(es) | 25.mai.22

#16 Olhar(es) | 25.mai.22

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
 

Plot Twist é Sempre Bom?

Um dos termos que mais escutamos por aí quando as pessoas falam de filmes e séries é o tal do plot twist, que mesmo sem ainda ter uma tradução que vingue já é amplamente conhecido do público em geral.

Mais além do significado do termo, estamos aqui para falar sobre a função dessa ferramenta que pode engrandecer um filme ou série, assim como estragar toda a experiência.

O plot twist não é algo novo e dentro do cinema foi bastante utilizado por Alfred Hitchcock, muito provavelmente tendo em ‘Psicose’ seu maior expoente. Para quem ainda não assistiu (em que mundo você vive?), a virada na história acontece antes da metade do filme, e deixa a audiência completamente sem chão.

Nos final dos anos 90 um filme de terror com orçamento modesto e dirigido por um quase desconhecido se tornou um dos maiores sucessos do gênero e marcou, para o bem e para o mal, a carreira do seu diretor. É óbvio que estamos falando de M. Night Shyamalan e seu ‘O Sexto Sentido’.

Mais recentemente, com a popularização cada vez maior das séries, houve um sem fim de produções com viradas inesperadas e revelações surpreendentes, como aconteceu inúmeras vezes em ‘Lost’ e ‘Game of Thrones’, para falar dos exemplos mais conhecidos.

 

 

Infelizmente, muitas (muitas mesmo!) produções se utilizam do plot twist como uma mera desculpa para gerar choque na audiência, mas sem uma construção narrativa bem feita o que se pretende surpreendente não gera mais do que um bocejo.

Separamos aqui os 10 plot twists que mais gostamos no cinema.

 

  • A Chegada (2016) - Disponível no Now, Globoplay, Claro Video, YouTube Movies, Google Play e Apple TV

COLÍRIO

 

Durante as filmagens de ‘A Mesma Parte de Um Homem’ em 2020, a fotógrafa Isabella Lanave capturou momentos marcantes em fotografias still e também produziu um belíssimo ensaio que traduz um pouco da atmosfera do filme, que pode ser apreciado nesta exposição virtual. 


INDICAÇÃO DA SEMANA // PÁSSAROS NA BOCA E SETE CASAS VAZIAS: CONTOS REUNIDOS

É famosa a afirmação de Júlio Cortázar de que no “embate que se trava entre um texto apaixonante e o leitor, o romance ganha sempre por pontos, enquanto o conto deve vencer por nocaute”.

Herdeira direta de uma distinta linhagem de nocauteadores, da qual fazem parte Adolfo Bioy Casares e o próprio Cortázar, Samanta Schweblin, que já afirmou se identificar como autora de contos, mais do que de romances, está à frente de uma geração de escritores que renovam os votos de afinidade entre a forma breve e a ficção latino-americana. A autora recupera também a tradição do conto fantástico novecentista europeu, que encontra na Argentina solo fértil para o florescimento de um novo insólito, calcado nas particularidades do país.

Esta reunião de dois volumes de contos da autora, o cultuado Pássaros na Boca (2009), em tradução revisada de Joca Reiners Terron, e Sete Casas Vazias (2015), inédito no Brasil, apresenta uma miríade de personagens incomuns, narrativas fantásticas, elementos sobrenaturais, sanguinolentos e grotescos que fizeram de Schweblin um destaque internacional da literatura contemporânea.

 


FIQUE DE OLHO //

 

Olhar de Cinema

A programação completa do 11º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba já está disponível no site e App.

Para personalizar a sua, baixe o aplicativo para Android e iOS e não perca nada durante os 9 dias do festival, recebendo notícias e notificações diárias. Se programe!

 

 

 

 


CINEMA EM CASA // SESSÃO DUPLA

 

Alguns filmes conversam entre si, seja pela temática, pela forma como abordam determinado assunto, ou até pela presença de um mesmo ator ou atriz em ambos os filmes, e às vezes essa relação é ainda mais direta, como no caso de obras originais e seus remakes.

Aqui na Sessão Dupla vamos sempre indicar dois filmes para você assistir na sequência, com aquela pausa marota para comer algo. Afinal de contas, não são só séries que a gente pode maratonar.

 

Great Freedom (Sebastian Meise, 2021) – está disponível na Mubi


O Profeta (Jacques Audiard, 2009) – está disponível na Apple TV, Claro Video e Microsoft Store

 

 


FILMES OLHAR



Maycon é um boxeador que treina para retornar aos ringues enquanto divide seu tempo com dois subempregos. Pai de Malu, ele tem sua vida revirada depois da partida de Michele, a mãe da criança, e se vê na situação de ter que cuidar da filha sozinho. Entre a rotina exaustiva de treinos e bicos para sobreviver, a maior luta de Maycon ainda está por ser vencida: tornar-se pai. Direção de Bruno Costa.

Mirador‘ está em exibição na OlharPlay. Assista!


Encerramos com as palavras do cineasta Breno Silveira, que morreu na manhã deste sábado (14), aos 58 anos, após passar mal e sofrer um mal súbito no set de gravações de seu novo filme na cidade de Vicência, no interior de Pernambuco.

O diretor tem que ser uma pessoa completa, eu nasci no set. Ele tem que entender um pouquinho de cada área, acho que isso foi me formando.

 

 

 

Bom restinho de semana para todes 🙂

 


OUTROS POSTS

#14 Olhar(es) | 17.fev.22

A Força da Representatividade Assim como acontece com outras deficiências, as Pessoas com Deficiência Auditiva (PcDA) ainda são pouco retratadas no cinema e em séries

Leia Mais »

TUDO CERTO!

Agradecemos a sua mensagem.

Caso precise de alguma outra informação, por favor entre em contato através das nossas redes sociais.

Para você que ama cinema.

Assine nossa newsletter quinzenal e receba conteúdos exclusivos.

Usamos cookies em nosso site para fornecer a experiência mais relevante. Ao clicar em “ACEITAR”, você concorda com o uso de todos os cookies, termos e políticas do site. Leia Mais

TUDO CERTO!

Agradecemos o seu cadastro.

Agora você faz parte de um seleto grupo que recebe as nossas notícias em primeira mão!